segunda-feira, 7 de outubro de 2013

Qual melhor faculdade de medicina da Bolívia?




Qual a melhor faculdade de medicina da Bolívia?
Acho até que eu poderia reformular essa pergunta para: qual a melhor  (ou menos pior) universidade de medicina de Santa Cruz de la Sierra na Bolívia? Afina, trato apenas de Santa Cruz e evito falar de outras cidades deste país, pois as conheço bem pouco para falar com alguma propriedade; até porque, a maioria dos que vêm para a Bolívia escolhem esta cidade.
Começando a responder, eu diria que a melhor universidade é a pública; a Gabriel René cujo o acesso é através de prova e outros processos seletivos e praticamente não têm brasileiros. Depois da universidade pública, vêm as particulares. São cinco: UDABOL, UCEBOL, UNE, UNIFRANZ e Católica (Leia mais sobre as universidades de Santa Cruz aqui). Qual delas é a melhor?
Bom, em minha opinião, nenhuma delas é realmente boa. Acho que todas têm graves deficiências, principalmente no ensino prático e na organização, pois são muito desorganizadas, e o ápice desta deficiência é a falta de hospital escola em todas elas.
Existem duas linhas para esta questão. 

A primeira é que a melhor universidade particular da cidade é a que você estuda. Na UDABOL, por exemplo, existem alunos fervorosos que afirmam que sua universidade é a TOP e melhor do que boa parte das universidades brasileiras. Na UCEBOL, depois da acreditação no MERCOSUL (que, na prática, não diz nada, mas é algo importante a se considerar), seus alunos agora se regozijam se (auto)afirmando que esta é a melhor de todas. Os alunos da Católica, por pagarem mais, serem mais seletivos e por exigirem notas melhores e terem auto índice de reprovação, creem que esta é a melhor e mais exigente (e acho que é a mais exigente mesmo). Na UNE, alguns que acreditam que ela é a melhor, se referem mais a quantidade mais reduzida de alunos, não que tenha pouco aluno, tem muitos, mas tem menos do que em outras. Lembro de um cara que estudava na UDABOL e criticava muito a UNE; um dia o vi passando na UNE depois de ter se transferido... e isso acontece muito. Agora ele acha a UNE a melhor.
A segunda linha de pensamento é a oposta; são aqueles alunos que acham que o gramado do vizinho é mais verde. Não curtem onde estudam e exaltam outras universidades.
A verdade bem verdadeira é que, no final, são todas exatamente a mesma coisa. Uma pode ser melhorzinha na organização, outra, nas práticas, outras nos preços. A docência é praticamente a mesma; o mesmo professor leciona em várias universidades diferentes; os laboratórios não se diferem muito. Biblioteca? Todas têm. Carga horária? Todas possuem exageradamente alta (na prática é a metade), suficiente para não ter problema de revalidar na volta ao Brasil.

Resumindo.
Qual a melhor? Nenhuma é melhor, a pergunta devi ser “qual a menos pior”.
Qual a menos pior? É impossível nivelar por baixo. Mas ficaria entre UCEBOL, Católica (esta ultima sai bem na frente, principalmente por não ter prova de grado) e com alguma tendência entre UNE e UNIFRANZ . Não curto a UDABOL, mas tem muitos médicos que se formaram lá e se deram muito bem e ela aparece em 14º lugar no ranking da Bolívia (confira abaixo); a frente da UCEBOL.
Qual você recomenda, para qual eu vou? Recomendo que vá até a universidade, conheça e veja com seus próprios olhos e decida por si só; não recomendo decidir antes de chegar na Bolívia. E lembre-se. É tudo a mesma coisa.

Confira, abaixo, rankings das universidades bolivianas.


Lembrando que esses rankings não tratam exatamente de qualidade, mas de acesso, publicações, marketing (nisso a UDABOL é a primeira do país) e outros critérios quantitativos (e não qualitativos).

Reações:

10 comentários :

  1. Certamente, você nunca esteve na UDABOL, tenho certeza que se você estivesse la iria mudar completamente sua opinião, estudo aqui e ja estou no 3 ano de medicina, e garanto, que esta faculdade, é muito melhor que as brasileiras, estruturas ótimas, sinceramente, apague este tópico ou vai passar vergonha quando realmente 'souber do que esta falando'

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, eu já estive muitíssimas vezes na Udabol. Até cogitei estudar lá, mas mudei de ideia. O problema da Udabol, caso não tenha ficado claro, é a hiperlotação e falta de organização e não de estrutura. Ela até tem uma boa estrutura, sim, porém, para dar conta de 500 ou, no máximo, uns 800 alunos de medicina e não de 5 ou 6 mil. Na maioria das universidades brasileiras as turmas são unicas por semestre. Na Udabol, em 2011 (vc deve ter chegado nessa leva), tinha cerca de 40 turmas somente para o primeiro semestre. Isso não existe em parte alguma do mundo. Se alguém tivesse documentado, teria ido para o Livro dos Records. Não há estrutura que dê conta disso, meu caro. No mais, jamais apagaria um post porque uma pessoa que nem conheço e que está defendo uma universidade só porque estuda nela, está me pedindo.
      E te peço que mantenha o nível nos comentários para que eu não tenha que apagá-los. Sem ofensas pessoais, palavrões ou argumentação de baixo nível.

      Excluir
  2. Olá,
    Ando pesquisando sobre cursar medicina no exterior, mais precisamente na Bolívia. Porém, não sei por onde começar, e também tenho dúvidas a respeito de poder exercer a profissão no Brasil.
    Pode me ajudar?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola Pamella, diga qual especificamente é sua duvida.

      Abraço.

      Excluir
  3. Alair gostei muito do seu post, parabéns, e gostaria também de saber se você pode me passar seu email para mais algumas informações. Que Deus o abençoe.

    ResponderExcluir
  4. Estive cogitando a ida a Bolívia para cursar medicina, porém ouvi muitos rumores a respeito da qualidade e comprometimento das universidades que só trouxeram mais dúvidas. Qual a melhor universidade país? Existe alguma que realmente seja boa e não apenas a "menos pior"? Ouvi falar da Univalle em Cochabamba, disseram que ela era realmente excelente, você saberia informar se essa afirmação é verdadeira? Caso eu venha cursar em Santa Cruz é possível que eu seja realmente uma boa profissional se houver comprometimento da minha parte com os estudos e não apenas a intenção de conseguir um diploma fácil? Ou serei prejudicada pelo ensino que em geral seria uma perda de tempo? Aguardo resposta, grata.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola, Felipa.

      Conforme escrevi no texto, eu evito falar de outras universidades fora de Santa Cruz de la Sierra, pois não as conheço bem e Univalle tem em Cochabamba, que é bem distante de santa.
      Estudando em Santa Cruz, e se dedicando como um verdadeiro estudante de medicina se dedica, sim, você terá plenas conduções de ser uma boa profissional. Mesmo no Brasil, aqueles que não se dedicam, acabam por se tornar péssimos profissionais, mostrando que a formação depende muito mais de algo que a universidade pode oferecer.

      Excluir
  5. Ah e os preços dos automóveis aí são os mesmos que no Brasil?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os automóveis aqui são bem mais baratos que no Brasil.

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...